Um filme dirigido por Murilo Salles com Leandra Leal.
Baseado na obra de Clarah Averbuck.

Passos, pássaros, freadas, fumaças, buzinas. Um turbilhão de estímulos nos ouvidos, olhos e narizes de São Paulo. Em meio a essa cidade pulsante; em muros, postes e viadutos, um corpo se funde à paisagem.

Quando vc menos espera, o seu olhar bate e pára. Você acaba de encontrar Alessandra Cestac.







Das ruas para dentro da casa de Camila. A parir da pesquisa dos lambe-lambes e do trabalho de intervenção urbana, Alessandra foi convidada a fazer uma intervenção no filme. É dela o corpo que flutua na parede do quarto da Camila. Ela foi uma das integrantes da festa de open house do apartamento da personagem; uma festa que nunca aconteceu.

Assim como os outros convidados, ela deixou uma marca, no seu caso, o corpo.





Além das performances na rua e no filme, Alessandra tem feito performances aqui no blog, todas 2ª, 4ª e 6ª às 21h. Quem quiser conhecer a moça, já tem um encontro marcado.

Um comentário:

Violet Scott disse...

gosto muito disso.
beijo, VS.

Músicas de Camila